sexta-feira, 18 de outubro de 2013

Ferronato quer reaproveitamento de brigadianos inativos

Ferronato encaminhou moção
A Câmara de Porto Alegre aprovou na quarta-feira (16) moção de autoria do vereador Airto Ferronato apoiando a alteração do Estatuto da Brigada Militar a fim de incluir a possibilidade de que policiais inativos da reserva não remunerada possam ser convocados.  “Com a falta de efetivo, a melhor saída é pegar o time experiente de veteranos. A segurança pública só sai ganhando”, afirma o parlamentar.
Conforme Ferronato, o atual contingente da Brigada Militar, de aproximadamente 18 mil homens está muito abaixo da lotação ideal. "No ano de 1980, quando a população e os índices de violência eram bem menores que os atuais, o contingente de policiais nas ruas era de 25 mil, ou seja, bem maior que o atual", afirmou o vereador na justificativa da moção.
O apoio à alteração do Estatuto foi solicitado a Ferronato pela Associação Pró-Efetivo da Brigada Militar, que hoje conta com 1.200 reservistas cadastrados. O documento aprovado pela Câmara Municipal agora será encaminhado ao governo do Estado para fortalecer a reivindicação pela alteração do Estatuto.

sexta-feira, 4 de outubro de 2013

Vereador consegue benfeitorias para Bairro Farrapos

A demolição da cancha de bocha situada na Praça Osvaldo Mazzola Rodrigues, Bairro Farrapos, foi solicitada pelo vereador Airto Ferronato (PSB) em audiência com o secretário municipal do Meio Ambiente, Cláudio Dilda, na tarde desta quinta-feira, 3 de outubro. Na oportunidade, o vereador, acompanhado de lideranças comunitárias da região, formada por comerciantes e moradores, argumentou que a cancha vinha sendo usada como banheiro principalmente em dias de jogos na Arena Grêmio, para consumo de drogas e ponto de prostituição. O secretário determinou a demolição imediata do equipamento que será substituído pela instalação de recanto de recreação infantil com balanços, escorregadores, entre outros, atendendo outra demanda da comunidade, Dilda anunciou que irá aumentar a fiscalização no entorno para coibir a atividade de vandalismo e delinqüência, em conjunto com outros organismos da Prefeitura.