quinta-feira, 23 de junho de 2011

Comissão da Copa debateu o Cais Mauá.


A revitalização do Cais Mauá foi o tema debatido em reunião da Comissão Especial de Acompanhamento e Apoio à Copa do Mundo de 2014 da Câmara Municipal de Porto Alegre nesta quarta-feira (22/6). O empresário Maurênio Stortti, do consórcio vencedor da licitação, falou sobre os planos para a modernização da área, e ouviu uma série de questionamentos do superintendente de Portos e Hidrovias (SPH), Vanderlan Vasconcelos.

Segundo Vanderlan, o tema do Cais Mauá é tratado em Brasília no âmbito da câmara de conciliação da Procuradoria Geral da República e do Supremo Tribunal Federal. De acordo com o superintendente, permanecem dúvidas sobre para onde vai a própria sede da SPH, uma vez que 37 mil metros de extensão da área do Cais Mauá serão entregues ao consórcio vencedor.
Também não existe uma indicação de local para os escritórios da Anvisa e do Ministério da Agricultura. A principal divergência, contudo, diz respeito à propriedade do cais: pertence à União Federal ou ao Estado? Essa resposta somente será conhecida quando houver um desfecho para o impasse via STF ou por um termo de conciliação entre os governos federal e estadual.
Vanderlan colocou outras questões: advertiu que o principal acesso ao cais revitalizado compreende uma rota que engloba a rua Ramiro Barcelos, mas não apresenta o redimensionamento da via, considerando que no seu começo, próximo à rodoviária, e a Avenida Castelo Branco, funciona um dos principais entroncamentos de acesso à cidade. Outro ponto é o destino do dinheiro da locação do Cais pela concessionária. Vanderlan quer o dinheiro reinvestido no sistema portuário e hidroviário estadual. Só que a lei aprovada prevê o repasse para caixa único do estado.
Pelo lado do consócio vencedor, Maurênio Stortti, salientou que o grupo concessionário aguarda o desfecho legal para tomar posse na área. Depois entram os processos de consolidação dos projetos, questões legais relativas às autorizações para realização de grandes obras e licenciamento ambiental. O começo das obras dos equipamentos e estabelecimentos comerciais é a última etapa.

Questionado pelo presidente da Comissão da Copa, vereador Airto Ferronato (PSB), se já há algum tipo de esboço de projeto com a Smov, o empresário afirmou que não existe nada e que os detalhamentos de fato somente serão entregues aos órgãos responsáveis após assinatura do termo de posse pelas cinco empresas do consórcio.
Entretanto, o empresário adiantou que a pedido do governador Tarso Genro, as obras devem começar pela revitalização dos armazéns. Somente depois dessa etapa, serão iniciados o shopping center de apenas um pavimento, um prédio para hotelaria e um segundo para salas comerciais e escritórios de alto padrão. “Não tem como sustentar um investimento desse porte somente pela gastronomia”, avisou o empresário.

sexta-feira, 17 de junho de 2011

Seminário de Formação Política do PSB - POA



Companheiro(a),


Você é o nosso convidado para o Seminário de Formação Política do PSB em Porto Alegre.
Nosso objetivo é que todo militante socialista conheça a história do socialismo e do Partido Socialista no Brasil, bem como nossos compromissos e bandeiras de luta.
O seminário será coordenado pelos Secretários de Formação Política do PSB no Estado e em Porto Alegre, Carlos Orling e Márcio Vidal.
Participe!

Inscreva-se já! Últimas vagas!


Data: 18 de Junho de 2011, sábado. Horário: Abertura - 9h. Previsão de término - 17h. Local: Sede Estadual do PSB. Rua Barros Cassal, 288 - Centro - Porto Alegre.Programa 9h – Abertura dos Trabalhos; 9h15min – Apresentação individual de cada um dos presentes; 9h30min – 1º Painel: Princípios básicos do Programa do PSB; 10h30min – Vídeo da Fundação João Mangabeira "Atualizando o Socialismo"; 12h – Almoço; 13h30min – Conjuntura Política Nacional e Estadual; 15h – Eleições 2012: candidaturas; preparação para a disputa e organização da campanha; 17h – Avaliação do encontro e encerramento.  --  --  Rua Riachuelo, 880 – Porto Alegre/RS – 90.010-272 Fone: 3227-4499 – Blog: www.psbpoa.com.br

quarta-feira, 15 de junho de 2011

Autoridades anunciam pelo menos mil leitos até 2014

Como presidente da Comissão de Acompanhamento e Apoio à Copa do Mundo de 2014, Airto Ferronato recebeu diversas autoridades da área de saúde pública de Porto Alegre na quarta-feira (08/06). A secretária-adjunta da Saúde de Porto Alegre, Carolina Santanna, revelou que o município planeja construir pelo menos mil novos leitos até a Copa de 2014 para atendimentos de emergência de média e alta complexidade.

Ferronato assinalou que existe morosidade para fazer com que os projetos visando à Copa saiam do papel e que a Comissão da Copa vem atuando em sintonia com Secopa para ajudar no encaminhamento dessas propostas. Carolina disse ainda que os projetos relacionados com a área da saúde, a princípio, serão financiados pelo governo federal, mas dependem de uma série de negociações que estão em andamento em Brasília. 


Ela adiantou que os projetos finais das cidades-sede da Copa serão examinados num seminário marcado para os dias 28 e 29 de julho próximo, na capital federal. 



O representante do Instituto de Cardiologia, Elvis Prestes, informou que o hospital deverá alocar R$ 1,2 milhão somente para a construção de uma nova ala capaz de atender atletas e integrantes do comitê da FIFA, pessoal de imprensa e autoridades, inclusive com cirurgias de alta complexidade como transplantes. 


Prestes salientou que desde a Copa do Mundo da Alemanha, em 2006, há um monitoramento da incidência de infartos e de mortes súbitas relacionadas com jogos de futebol decisivos. 


Segundo o cardiologista, nas etapas de mata-mata do torneio na Alemanha, o número de pessoas que morreram em hospitais triplicou, em comparação com outros períodos.


No Brasil, a Sociedade Brasileira de Cardiologia e Organização Mundial de Saúde irão monitorar a incidência de enfermidades cardíacas relacionadas com o estresse provocado por partidas decisivas de futebol, como prosseguimento da pesquisa realizada na Alemanha.

Articulação

Representante do Sindicato Médico do Rio Grande do Sul, o ex-secretário da Saúde Germano Bonow, questionou se existe uma articulação capaz de colocar em prática os projetos que estão em discussão. Ficou acertado que, para agosto, uma nova reunião da Comissão da Copa deverá debater o tema da saúde, com a presença de grupos técnicos da Secretaria Estadual da Saúde e Secretaria Municipal da Saúde, já pautada em cima das diretrizes que serão tomadas ao final de julho em Brasília.

sexta-feira, 10 de junho de 2011

Previdência em discussão

Convidado a debater com a Afisvec o tema da reforma da Previdência Estadual, o vereador Airto Ferronato visitou o gabinete do deputado estadual Catarina (PSB)  na última quinta-feira, 9/06, na Assembleia Legislativa, acompanhado do presidente da Afisvec, Abel Ferreira e outros colegas da diretoria. O presidente do PSB em Porto Alegre e chefe de gabinete do deputado, Antônio Elisandro, também participou da reunião. 

terça-feira, 7 de junho de 2011

Ferronato recebe proposta da marina pública



Em apresentações multimídia, criadas em um sistema de slides e animação em realidade virtual, os arquitetos Augusto Portugal e Fernando Brantano apresentaram, na quarta-feira (1º/6), concepção urbanística para a construção de uma marina pública em Porto Alegre. A divulgação do trabalho ocorreu durante reunião ordinária da Comissão Especial de Acompanhamento e Apoio à Copa do Mundo de 2014, realizada na Câmara Municipal, presidida pelo vereador Airto Ferronato (PSB). O projeto é assinado por dois escritórios de arquitetura da Espanha e resulta de um debate travado em 2009 durante jornada de arquitetura realizada na capital gaúcha.
Segundo Augusto Portugal, o projeto prevê a construção de uma marina pública que percorreria a orla do Guaíba a partir da Usina do Gasômetro até o Arroio Dilúvio. Pela proposta, seriam instalados atracadouros para barcos a motor e a vela, oficinas de embarcações e escola náutica. Além disso, para democratizar o uso dos equipamentos o projeto prevê a construção de parques, praças, calçadões e uma grande arquibancada projetada para dentro do rio, capaz de permitir que, mesmo em terra, as pessoas possam enxergar a cidade da mesma perspectiva de quem olha suas formas a bordo de um barco, dentro do Guaíba. O arquiteto disse ainda que a vantagem desse projeto é que ele se interliga a investidores privados que já o conhecem e tem interesse em implantá-lo a curto prazo.


Delineada


Portugal explicou que, ao pesquisar os desenhos do processo de urbanização de Porto Alegre, aprendeu que desde 1908 a cidade vem sendo desenhada em formas geométricas retangulares, sempre levando em conta a presença do rio, Numa dessas pesquisas, ele encontrou o esboço de uma marina, justamente na área do da antiga Ponta da Cadeia, entre a Usina e o Dilúvio. "Pelo que se percebe, quando se pensa uma marina pública em Porto Alegre, esse ponto se mostra como o ideal, pois com o passar dos anos, os planos diretores que vieram sempre mostraram uma marina desenhada ali”, disse Portugal. Segundo o arquiteto, com o crescimento da cidade, qualquer zoneamento que se fizer irá apresentar o ponto equidistante entre o Gasômetro e o começo da Avenida Ipiranga como a área ideal para esse tipo de equipamento.
“Todas as cidades que podem construir instalações para barcos o fazem porque barcos a vela vistos de qualquer ângulo formam um visual de função plástica inestimável”, aposta Portugal. Ele fez questão de salientar que o projeto apresentado não é algo finalizado. É apenas uma ideia inicial a ser discutida com o poder público e a sociedade, levando-se em conta aspectos ambientais e paisagísticos. Um dos méritos do projeto, exemplificou, é apresentar propostas de sustentabilidade como aproveitamento da energia dos ventos e fotovoltaica.Ferronato, se comprometeu a acelerar as conversações entre o grupo privado e o poder público, para ver se torna possível a construção da marina, visando a Copa do Mundo, uma vez que, segundo os arquitetos, um grupo privado da Austrália tem disposição de construir a área em troca de concessão.

quinta-feira, 2 de junho de 2011

Ferronato confirma que está à disposição do PSB

Em reunião do diretório municipal do PSB em 30 de maio (segunda-feira) no plenário Ana Terra da Câmara Municipal de Porto Alegre, com uma grande participação de filiados, o vereador socialista Airto Ferronato afirmou que o partido deverá ter candidato próprio ou em coligação. Ele colocou seu nome à disposição da direção do partido para concorrer seja como candidato a prefeito ou vice, numa composição: "Somos o partido que mais cresceu no Estado e no País. Hoje estamos governando interinamente o Estado, com o vice-governador Beto Grill”, disse Ferronato. O nome do vereador foi aprovado por unanimidade pelo diretório.