sexta-feira, 28 de janeiro de 2011

Ferronato votará contra a proposta de criação do IMESF

Foto: Elson S. Pedroso - CMPA
Em reunião, ontem (27/01/2011) à noite na Câmara municipal, o verador do PSB, Airto Ferronato, anunciou que irá votar contra o Projeto de Lei Número 5310, que tramita na Câmara Municipal de Porto Alegre e que, caso seja aprovado, permitirá a criação do Instituto Municipal da Estratégia da Saúde da Família (IMESF).
O projeto é de autoria do Executivo e tem o objetivo de criar uma fundação pública de direito privado para contratar equipes do Programa Saúde da Família - PSF pelo regime da CLT.
Assim como o vereador socialista, a grande maioria de militantes do PSB presentes ao encontro manifestou-se contra o projeto de lei, por entender que esse constitui um grande passo rumo à privatização do atendimento médico da população.
Chimarrão com Política reuniu diferentes posições
A reunião, realizada na Câmara Municipal de Porto Alegre, faz parte do projeto Chimarrão com Política, organizado pela executiva muncicipal do PSB e contou com representantes de todas as partes envolvidas no debate.
O objetivo foi permitir justamente a formação de massa crítica sobre o tema.
"No debate realizado, de altíssima qualidade, ficou claro que a crise na saúde de Porto Alegre poderia ser resolvida por uma gestão eficiente, sem maiores malabarismos jurídicos, mantendo as regras do direito público no atendimento universal, público e gratuito do SUS (Sistema Único de Saúde), principalmente no atendimento básico direto como é o caso do PSF", diz o vereador.

quinta-feira, 27 de janeiro de 2011

Ferronato solicita instalação da Comissão Especial da Copa 2014

Foto: Mariana Fontoura - CMPA
O vereador socialista Airto Ferronato oficializou nesta quinta-feira, 27 de janeiro, junto à presidência da Câmara Municipal de Porto Alegre, o pedido de instalação da Comissão Especial da Copa do Mundo de 2014. O objetivo é acompanhar e fiscalizar as obras que fazem parte do caderno de encargos da Fifa.
A Comissão Especial de Acompanhamento e Apoio à Copa do Mundo de Futebol de 2014 em Porto Alegre foi criada em 23/12/2009, através de resolução aprovada pelos vereadores em Plenário.(http://bit.ly/h4mBpQ)
A previsão é que a comissão seja instalada ainda na primeira quinzena de fevereiro. Para Ferronato, as obras da Copa do Mundo deixarão um legado de realizações em termos de infraestrutura, mas é preciso levar em conta os interesses das populações atingidas por conta das intervenções no espaço urbano, ainda mais que a sociedade porto-alegrense tem tradição em participar das decisões importantes da cidade.
Ferronato explica que a comissão irá integrar questões de infraestrutura com o tema do meio ambiente e levantar a bandeira da “Copa Verde”, isto é: a promoção da sustentabilidade combinada com as melhorias na cidade. A Comissão Especial da Copa funcionará pelos três próximos anos, devendo encerrar suas atividades após o encerramento da Copa do Mundo em Porto Alegre.

4° Chimarrão com Política - Debate sobre o PL 53/10, que cria o Instituto Municipal da Estratégia da Família

quarta-feira, 5 de janeiro de 2011

Ferronato visitou novo Secretário Estadual de Apoio à Micro e Pequena Empresa

Na manhã de ontem (04/01), o vereador Airto Ferronato visitou o Secretário Maurício Dziedricki, titular da nova Secretaria criada pelo governo Tarso Genro / Beto Grill, que cuidará da Economia Solidária e do Apoio à Micro e Pequena Empresa.
O vereador Airto Ferronato possui formação acadêmica e vasta experiência prática nessa área, assim como tem defendido que haja parcelamento das atuais dívidas das pequenas e microempresas no Imposto Simples Federal, possibilidade existente na maioria dos casos para as médias e grandes empresas.
Ferronato comemorou, junto ao Secretário, a idéia do Governo Federal criar um Ministério para cuidar dessa temática. "As micro e as pequenas empresas correspondem a 99% das empresas brasileiras, produzem 20% do PIB nacional e geram mais empregos que as grandes empresas", disse o Vereador.
Dziedricki agradeceu a visita e colocou a Secretaria à disposição do vereador. "Conto com tua experiência para colaborar com os projetos que desenvolveremos".
O secretário ainda abordou sobre o objetivo da nova pasta, que será desenvolver a economia solidária como uma nova e forte ordem econômica para o Estado, estabelecendo políticas de valorização e cooperação para os micro e pequenos negócios, bem como promover o debate a respeito da tributação sobre micro e pequenas empresas e as oportunidades de financiamentos que possam resultar em avanços para o setor.